O então presidente da ADVB, Latif Abrão Jr., assinando a carta de compromisso com a Adriana de Carvalho, representante da ONU Mulheres.

O jeito ADVB de representar as empresas associadas sempre esteve longe da chamada zona de conforto. Na sucessão de gestores à frente da entidade, guardadas as diferenças de enfoque e de estilo, a proatividade é um traço comum. Mais que a defesa intransigente de boas práticas, a história recente da ADVB revela o olhar sensível para causas de boa cepa. E com essa determinação de cumprir compromissos assumidos, seguem conteúdos relativos a duas causas de impacto social relevante.

Em outubro de 2017, na gestão de Latif Abrão Jr., entidade selou termo de compromisso com a ONU Mulher, para contribuir com a divulgação do programa HeforShe, na tradução para o português, ElesporElas. Trata-se de campanha permanente de solidariedade, que defende os princípios do empoderamento feminino.

Foi iniciada pela ONU Mulheres, em 2014. Objetivo principal é encorajar jovens e homens em redor do mundo a tomarem iniciativa e medidas contra a desigualdade de gênero, contra a qual milhões de mulheres têm de lidar. Emma Watson é uma das principais figuras da campanha, que usa sua fama em prol do desenvolvimento do HeforShe.

Empoderar mulheres e promover a equidade de gênero em todas as atividades representam garantias para o efetivo fortalecimento das economias. Impulsionam negócios, melhoram a qualidade de vida de mulheres, homens e crianças e contribuem para o desenvolvimento sustentável. Várias empresas brasileiras, entidades e órgãos de governo são signatários e parceiros do HeforShe.

Projeto aMEI

Ficar em casa, obedecer ao isolamento social, trabalhar em home office, que a ADVB adotou antes mesmo da decretação da quarentena pelo governo, embora fundamental, não se basta.

A diretoria da ADVB, com seu Instituto ADVB de Responsabilidade Sócio – ambiental, (IRES) convidou empresas parceiras, a saber Allplats, que dá sustentação ao Cartão de Benefícios ADVB, Amigo Comunicação, que presta serviços de assessoria de imprensa à entidade, e Gorilla Comunicação, responsável pelo marketing e comunicação da ADVB, e criou um programa solidário e de desenvolvimento econômico, que segue válido mesmo com o relaxamento da quarentena.

Recomendada pela ONU, a Economia Circular Sustentável está presente na fundamentação conceitual do Projeto aMEI. Não bastasse isso, o nome da iniciativa revela um case de criatividade. Por um lado, o acrônimo MEI (Microempreendedor Individual). Por outro, com a anteposição da letra “a”, criou-se o pretérito perfeito do emblemático verbo amar. Uma marca distinta para um projeto fundamentado em doar. Dispor. Socorrer. E ajudar os elos mais frágeis da cadeia econômica e social.

Em plena quarentena, sob o clima insólito e tenso provocado pela pandemia, o lançamento do Projeto aMEI em 1º de Maio revelou-se uma forma sutil da ADVB homenagear o trabalhador. E oferecer a milhares deles os ameivouchers, para consumo de produtos alimentícios e gêneros de primeira necessidade em estabelecimentos enquadrados como pequenas e microempresas, incluindo também MEIs. Está estabelecida a Economia Circular Sustentável. Doar para quem mais precisa, especialmente numa crise monumental como a que se vive, é pensar maior e à frente. E apostar na retomada.

O acesso digital ao Projeto aMEI é simples e amigável. A validade do aMEIVoucher se estende por seis meses e a iniciativa pode, perfeitamente, despertar interesse de patrocinadores. O cadastro com mais de três milhões de MEIs no Estado de São Paulo é um ativo relevante, para fins de campanhas promocionais de marketing digital. Acrescente-se o recall qualificado junto aos beneficiários do Projeto aMEI, o que, fatalmente, se estende às marcas patrocinadoras dessa boa causa.

O leitor do ADVB News pode exercer, como ninguém, um papel estratégico na difusão e no fortalecimento do Projeto aMEI. Repercussão por e-mails, posts nas redes sociais, nos grupos de Whatsapp. E claro, fazer uma doação. Há milhares de estabelecimentos configurados como MEIs e muitos deles estão no bairro, na rua de cada um de nós. Unidos e motivados pela iniciativa irrepreensível da ADVB, será possível mitigar, arrefecer, contribuir com a retomada, atenuando os efeitos amargos da Covid-19.

Sobre a ADVB – Em 2020, a ADVB® completa 64 anos e é uma referência para a gestão empresarial no país, ao oferecer opções ricas e diversas para o relacionamento e aperfeiçoamento profissional de quem atua nas áreas de vendas e marketing e na direção das empresas. Cursos, palestras, fóruns, debates e eventos de premiação reúnem personalidades públicas e do mundo corporativo, propiciando ferramentas que auxiliam no desenvolvimento de estratégias de gestão das organizações.